Um olhar


Ela parou de repente, todos que estavam na plateia olharam e se perguntava se aquilo fazia parte do espetáculo. Até aquele momento, realmente não fazia. 

O teatro estava lotado, o lote de ingressos da primeira semana de apresentações do solo de piano havia esgotado em seu terceiro dia de vendas. Nem ela sabia o quanto ela era importante para a cidade onde nasceu, cresceu e descobriu o tão bonito dom. Ela olhou antes para a plateia e não achou quem procurava, no meio daquela multidão de pessoas inquietas que ela não via a tanto tempo, ele não estava lá.

Era um lindo teatro, a luz baixa e amarelada que focava no piano, aquele primeiro piano que ela tocou quando pequena, enquanto o pai ajudava a manter o teatro funcionando. O carpete vermelho parecia o mesmo que costumava correr e o palco com piso de madeira ainda era o mesmo daquelas noites, ao som de Debussy e olhares de amor. 

Ela parou a música e todos se olharam, ouvi-se o sussurrar de questionamentos pelo teatro todo, poucos sabiam o porque ela estava estática enquanto olhava para a porta de entrada. Foi quando ele sentou, na ultima fileira de cadeiras do lado oeste do teatro e ela retomou a música. Ouvia-se a euforia com que ela tocava agora, parecia querer que o mundo ouvisse, parecia que estava gritando um sentimento para que o mundo ouvisse. 

A apresentação findou-se e todos aplaudiam seu pequeno fruto, que antes era uma delicada menina e hoje tinha tornado-se uma linda mulher com um talento digno de cada aplauso. Elogios corriam o teatro e ela dirigiu-se a porta, passou ao seu lado e dirigiu o ultimo olhar a ele, parecia que podíamos ver e até mesmo ouvir, continha naquele olhar todo amor e um breve adeus. 



Isso não pode estar acontecendo comigo!


Acordei assustada e olhei em volta, era só um pesadelo. Mas parecia tão real, a luz que reflete da lua em meu meu quarto, era a mesma que eu tinha acabado de ver, como isso seria possível? Olhei mais uma vez para ter certeza que estava tudo bem, e voltei a dormir.

Quando fechei os olhos novamente, eu pude ver...era você! A quanto tempo eu não via essa sorriso e esse lindos olhos castanhos, era mais que um sonho pois eu podia sentir o cheiro do seu perfume. Eu toquei para saber o quanto tudo era real, e descobri que podia ser real. Eu ainda não acreditava em tudo que estava vendo, até que eu ouvi:

- Como você chegou aqui? Eu senti sua falta!

Eu ouvi sua voz, como antes, como da primeira vez! E neste momento aquele sonho se tornou mais real do que nunca. Fomos levados ao jardim da escola, como no primeiro dia que nós nos vimos pela primeira vez. Estávamos a sós , com a beleza da primavera de Outubro de 97 e por um minuto desejei que o tempo parasse e pudéssemos ficar ali, para sempre.

Novamente, acordei, mas agora era o mais belo sonho. Eu sinto você aqui, parece que a luz da lua traz a paz do seu olhar, que saudades de você! Contrai os músculos, agarrei ao traves­seiro e enfiei a cabeça, mordi os lábios su­focando o grito mais profundo. Isso não pode es­tar acontecendo comigo!
Mas aconteceu! Eu não tive como evitar, você se foi e não sei quando vai voltar. Agora está do outro lado do mundo e eu aqui, sonhando com você. O primeiro pesadelo era real, você entrou naquele avião e foi embora e me deixou sozinha nesta madrugada.



Era uma vez...é assim que todo conto de fadas começa, com um príncipe encantado e uma linda princesa que nunca se viram antes, mas que se amam e vivem felizes para sempre. Mas e na vida real, como isso acontece? Eu não sei mais como isso acontece, sempre achei que meu príncipe encantado existisse e que um dia ele viria e tudo ficaria bem!

Com o tempo eu descobri que isso talvez não aconteça, que meu príncipe encantado encontrou com alguém no meio do caminho e desistiu de me buscar. E a bruxa má vive me falando, que eu nunca vou encontrar alguém que me ame de verdade, e que um dia eu vou me ver sozinha cuidado de gatos!

Não quero acreditar, eu não me importo que o príncipe encanto foi embora, eu só queria você aqui comigo! Se você é um príncipe, bem isso eu não sei, mas que eu quero viver o meu felizes para sempre com você, isso eu tenho absoluta certeza.